Bromélias e sua importância no ecossistema

Bromélias e sua importância no ecossistema

Hoje falaremos sobre as bromélias e sua importância no ecossistema. Elas são conhecidas como plantas ornamentais, muito utilizadas em decorações de jardins, mas que na natureza desempenham um rico papel.

As bromélias são plantas epífitas, ou seja, crescem e se desenvolvem sobre outras plantas, sem agir como parasitas e sem depender dela para sua sobrevivência, apenas as usando como apoio para estar no extrato mais alto da floresta e obter luz. Para o seu sustento, além da fotossíntese, as bromélias captam água da chuva e nutrientes de fezes e animais mortos.

Existe uma discussão na qual se diz que bromélias são criadouros de mosquitos, principalmente os da dengue, mas isto é mito já que as chances são minúsculas e irrelevantes. Tal fato ocorre porque a água acumulada nas folhas, junto com material em decomposição, torna-se um suco biológico que incapacita a proliferação do mosquito.

Bromélias e sua importância no ecossistema

Por outro lado, este suco biológico entre suas folhas torna essas plantas são ricas em vida, criando micro habitats com a presença de artrópodes, aracnídeos e até pequenos anfíbios, como rãs,atraídos por estes. Isto faz com que muita vida venha a se desenvolver por sua causa e o equilíbrio do ambiente dependa disso.

Um outro ponto importante sobre elas, é que são nutricionalmente muito ricas, e quando suas folhas caem ajudam no enriquecimento e manutenção dos nutrientes no solo, que são absorvidos por árvores e outras plantas. Essa é outro ponto que a torna fundamental para a manutenção do ambiente.

Uma curiosidade interessante é que os abacaxis são frutos de algumas espécies de bromélias. Podem ser desde a popular fruta até espécies pequenas que podem ser guardadas na palma da mão, sendo muito utilizados em ornamentação de jardins.

Bromélias e sua importância no ecossistema

É comum encontrar bromélias no ecossistema da Região Serrana e sua importância é notória: nas matas, florestas, bosques e até jardins. Um outro local onde ela é largamente vista é em encostas de pedreiras, muitas vezes sendo a única planta a se instalar por lá, pois como são epífitas não precisam de solo e de muito pouco para sobreviver. Em comparação às orquídeas, que são epífitas como elas,são muito mais resistentes.

Podemos concluir que a sua preservação, é importante para o equilíbrio e manutenção do ambiente, mandando nutrientes para o solo e sendo casa de insetos e aracnídeos. A sua presença nos mostra um ambiente equilibrado. Devemos tomar cuidado com certas práticas, como a retirada destas plantas da floresta, para serem levadas para jardins. Tal pratica não é correta, pois interfere no equilíbrio ambiental.

Coluna anterior: Corruíra / Garrincha (Troglodytes musculus)

Instagram e registros WikiAves!

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.