O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Associação Pestalozzi de Cantagalo completa 50 anos

A Associação Pestalozzi de Cantagalo, na Região Serrana do Rio, completa 50 anos. A entidade foi fundada em 21/04/1973 e deu-se através de entendimento entre a Associação Pestalozzi de Niterói, por intermédio da Drª Lizair Guarino Guerreiro e um grupo de cantagalenses formado por Dr. Nilo Teixeira Rodrigues, sua esposa Nilce Nilda Machado Rodrigues, José Nascimento Júnior, José Quererá, entre outros.

Juntos, decidiram então pela criação da Associação Pestalozzi de Cantagalo que, em 21 de abril de 1973, foi consumada a sua legítima fundação, tendo como seu primeiro presidente o Dr. Nilo Teixeira Rodrigues. A instituição foi criada com a finalidade de atender a crianças e adolescentes com deficiência mental, prestando-lhes todo tipo de assistência necessária, que, por seu desenvolvimento mental, aptidões ou caráter excepcionais, necessitavam de assistência individual ou ambiente médico-pedagógico especialmente orientado.

O nome Pestalozzi vem do professor/educador suíço Johann Heinrich Pestalozzi (1746-1827), cujo movimento pestalozziano chegou ao Brasil há mais de 80 anos. A área de terras pertencente à Pestalozzi, de 16.220 m², foi adquirida na gestão de Dr. Nilo Teixeira Rodrigues, por iniciativa do então secretário de Agricultura do Estado do Rio de Janeiro, João Carlos Abreu.

WhatsApp Image 2023 04 17 at 17.56.12
A Associação Pestalozzi de Cantagalo fica localizada na Rua Maria Zulmira Tôrres, bairro Quinta dos Lontras.

Grande parte dos feitos na Associação Pestalozzi de Cantagalo se deve ao Sr. Lúcio Gomes Bon, um homem honesto, trabalhador, sério, idealista, sonhador. Ao longo dos seus 82 anos, Lúcio Bon, deixou um grande legado. Partiu como chegou, sempre como um guerreiro, lutando por seus ideais.

“Mas eram tempos difíceis, muito difíceis”. Com esperança, Lúcio Bon dizia na época que, felizmente, os tempos eram outros, as coisas estavam mais fáceis, a tecnologia começava a trabalhar a favor de todos que tinham uma outra visão , completamente diferente daquela época. “E não é para menos, do contrário, ficariam para trás”, dizia.

O empresário via a Pestalozzi de Cantagalo, para a qual sempre dedicou toda sua atenção, como primordial e idealizava que a transformaria em uma entidade forte, consolidada, respeitada e, com apoio de todos , no que é mais importante: trabalhando e, realmente representando e defendendo os interesses dos mais vulneráveis.

WhatsApp Image 2023 04 17 at 17.56.13
Hoje, a instituição abriga 16 funcionários, atende 75 crianças, totalizando 437 atendimentos por mês, além da assistência às famílias.

É uma instituição que cresce em importância e respeito porque muitos bons homens batalharam para reerguer a entidade, que era e continua sendo muito útil à sociedade. Dessa forma, senhor Lúcio Bon é nome de elevada estima e consideração dentro da Pestalozzi de Cantagalo. Lutava para promover ações que pudessem melhorar e manter a entidade com as portas abertas; procurava envolver a comunidade e assim promover um enorme avanço na manutenção e continuidade da Pestalozzi.

Hoje lá trabalham 16 funcionários, além de 1 psicólogo cedido pela Prefeitura Municipal de Cantagalo. São atendidas 75 crianças, totalizando 437 atendimentos por mês, além da assistência aos familiares na medida do possível. A entidade atua nas mais variadas áreas; assistência social, educação, saúde, cultura, esporte e lazer.

“São 50 anos de muitas histórias de dificuldade e superação, como em qualquer lugar que tenha como lema o atendimento às pessoas necessitadas e que disponha de poucos recursos para isso. É sabido que a instituição recebe ajuda dos entes públicos e também da iniciativa privada. Muitos são os doadores individuais, porém a demanda é crescente e muitas das vezes tem-se dificuldade em promover atendimento a todos. Infelizmente temos uma lista de pessoas aguardando por atendimento, fato esse que esperamos resolver em breve haja vista uma nova parceria que está prestes a se confirmar com a Secretaria Municipal de Saúde” – relata o atual presidente Gildomar Bard Silveira.

Em se tratando de avaliação, é notório que a instituição conta com muita credibilidade perante a população, com profissionais dedicados e empenhados que lutam dentro das suas possibilidades para fazer o melhor que podem. “Todas as vezes que saímos às ruas em busca de auxílio, na sua grande maioria, obtemos uma resposta positiva da população, porque as pessoas confiam no trabalho que é realizado. Essa é mais uma oportunidade de agradecer a todos que contribuem com a nossa instituição” – concluiu o presidente da Pestalozzi de Cantagalo.

Empresas apoiam a informação de qualidade

Veja também
error: Content is protected !!