O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.
lateral-160×200
lateral-160×200

Curiosidades Naturais #1: Árvores que choram são vistas em Cordeiro

Nessa nova série da coluna Lente Natural, vamos trazer mais assuntos exclusivos voltados a fauna e flora da Região Serrana e interior do Rio de Janeiro. Hoje falaremos sobre um evento natural em que as árvores parecem chorar. Mas, de fato, isso não é culpa delas, mas de alguns insetos. Quais seriam, então, os insetos causadores desse choro?

Esse fenômeno acontece quando há uma grande concentração de insetos do tipo hemípteros (parentes dos pulgões, cochonilhas e percevejos) que se alimentam de seiva das árvores. Quando há uma grande infestação desses insetos em alguns tipos de árvores, as suas excretas são liberadas na forma líquida, que escorre e pinga dos galhos das árvores. A excreta liberada na forma líquida (uma mistura de água e açúcar) é que dá esse efeito de chuva. Essa substância é inofensiva para nós, porém não é aconselhável consumi-la.

A seiva da qual os insetos se alimentam é composta de água, açúcar e substâncias como aminoácidos. Os insetos consomem os aminoácidos e eliminam o excesso de água e açúcar na excreta. Então é essa substância que parece ser liberada pela árvore que solta, mas na verdade é produto da ação dos insetos que não são vistos por nós.

Esse fenômeno não chega a prejudicar a planta, apesar de ser uma relação de parasitismo. Isto pode ocorrer em diferentes locais e com diversas espécies de árvores, mas principalmente na primavera e verão onde as temperaturas são maiores e a proliferação de insetos aumenta.  Os insetos atingem as árvores sozinhos, ou podem ser transportados por formigas que esperam que eles secretem essa substância açucarada para poderem usufruir.

Esse é um evento muito curioso de se observar, e quando não conhecemos somos levados a crer que são as árvores que estão liberando água, ou como popularmente dizemos, estão chorando. E dependendo da intensidade, podemos ouvir barulho semelhante ao de chuva e encontrar poças embaixo das árvores.

Mas a partir de agora, tanto eu quanto vocês, ao nos depararmos com uma árvore chorando, já sabemos que há insetos trabalhando para isso. Quem sabe vocês já presenciaram esse fenômeno? Mas se ainda não viram nada parecido,  passem a prestar atenção e vocês irão se surpreender com a natureza.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ciente disso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia mais