O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Florada dos ipês e sanandus colore a Região Serrana do Rio de Janeiro

É durante o inverno, o período mais seco e frio do ano, que as flores dos ipês e sanandus desabrocham e colorem cada canto da Região Serrana do Rio de Janeiro. Os ipês estão floridos por todos os cantos que olhamos. Estas árvores que são o chamariz para a estação das flores e por sua vez atraem diversos animais em especial as aves.

DSC9810 9 2 scaled

Sendo assim, podemos destacar aves que se alimentam de suas flores, como o periquitão-maracanã, que come a flor do sanandu. Temos também o jacu que adora comer a flor de ipê e podemos destacar o nei-nei, que também tem em sua dieta, flores. O interessante é que quando falamos de flores e aves, sempre nos remete a beija-flores, porém elas servem de alimentos pra diversas deles.

A respeito do sanandu (Erythrina Falcata), vale ressaltar algumas características: é uma árvore que tanto pode ser vista no interior de matas, como também em áreas de mata secundária e até mesmo solitária em áreas abertas como pastos, por exemplo, por ser bastante resistente. Possui um apelo decorativo, podendo ser usado na arborização urbana como praças. Floresce de agosto a setembro e suas flores em tons vermelho-alaranjados se destacam na natureza, por ser muito chamativo e ser único em meio ao verde.

Já os ipês, em especial o amarelo, que floresce de agosto a setembro, é mais conhecido por possuir um apelo decorativo maior e compor a decoração urbana de diversas cidades de nossa região, e assim como nosso sanandu, é uma árvore resistente, além das matas, pode ser encontrada facilmente em áreas abertas e degradadas. Suas flores atraem muitas aves, como a maracanã-verdadeira, que também se alimenta de suas flores.

Florada dos ipês e sanandus colore a Região Serrana
Registro de um frondoso ipê amarelo em Cordeiro (Gabriel Monnerat)

O que nos chama atenção nesse período na Região Serrana do Rio de Janeiro é a ocorrência dessas árvores, o que faz com que olhemos para qualquer canto, morro ou fragmento de mata, e logo notamos um vermelhinho, um amarelinho, que são nossas árvores da vez, já notou? Deixe nos comentários.

Empresas apoiam a informação de qualidade

Veja também
error: Content is protected !!