O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Visita ao Parque dos Dinossauros de Miguel Pereira

Você consegue imaginar um parque, nos dias de hoje, habitado por dinossauros? Essa é a fantasia criada na Terra dos Dinos, situado no município de Miguel Pereira, no Rio de Janeiro. Um local de imersão no mundo dos dinossauros em meio a natureza, e nós vamos mostrar um pouco dessa experiência, confira!

No início da jornada, uma bela visão da Mata Atlântica, praticamente no topo da Serra de Miguel Pereira. O Parque dos Dinossauros se localiza em uma área de reserva ambiental, com a vegetação bem preservada e que permite a apreciação de um belo visual. Uma visão do alto, mostra o tamanho da mata, que compõe o Parque Municipal Fazenda Rocha Negra, possuindo cerca de 1,4 milhões de metros quadrados.

A aventura começa já no acesso à Terra dos Dinos, com uma descida até os dinossauros a bordo de um jipe ou micro-ônibus. Ao chegarmos no início da trilha, somos recebidos pela equipe de funcionários que passam as informações necessárias para iniciar a aventura, que pode ser feita a pé, no solo, ou em passarelas suspensas entre as árvores; optamos pela trilha no solo. Neste ponto temos uma ruína da sede da fazenda, que já é uma belíssima atração.

20221108 124432 scaled

Ao longo do passeio pelas trilhas, podemos observar mais de 40 modelos de dinossauros em escala real e acompanhados de placas com informações científicas sobre características morfológicas, hábitos, ocorrência e curiosidades.  Os dinossauros representados, que atravessaram os mais importantes períodos da história da terra, triássico, jurássico e cretáceo, se movimentam e emitem som em meio às trilhas da mata.

Vale ressaltar que alguns dinos representados são realmente grandes, com destaque para o Argentinossauro, que possuía 38 metros de comprimento e 22 de altura. Há algumas representações de cenas como ataque de predadores e fêmeas com ninhos com ovos. Destaque também para uma réplica de esqueleto de um Tiranossauro rex posicionado ao longo da trilha.

São dezenas de réplicas em tamanho real que, além de divertir o público, ajudam a conhecer melhor a origem e o desenvolvimento desses animais que habitaram o nosso planeta há centenas de milhões de anos. Já deixa sua curtida, seu comentário e compartilhamento nesse conteúdo exclusivo para o portal @serranewsrj.

tirano fossil
Réplica do esqueleto de um Tiranossauro rex posicionado ao longo da trilha. (Fotos com direitos autorais de Gabriel Monnerat)

Um dos pontos altos do passeio, e que nos confere uma maior imersão neste mundo dos dinossauros, são algumas paradas pontuais, onde ocorrem encenações com situações parecidas com as do filme Jurassic Park, como por exemplo a entrada em uma caverna, onde um dinossauro feroz escapa e tenta atacar os visitantes. Presenciamos a reação de surpresa, divertimento e emoção de algumas crianças – como também de adultos – que não ficaram indiferentes. Os episódios de interatividade enriquecem e divertem a visita guiada.

dinossauros gabriel
Trata-se do maior parque de dinossauros do mundo.

Não há tempo de limite para visita. Cada visitante leva o tempo que desejar e pode percorrer as trilhas com os dinossauros mais de uma vez. Há dois espaços definidos para área de alimentação com cantinas do parque (um dentro da trilha e outro no centro de recepção). Também há uma loja de souvenir com artigos do universo dos dinossauros.

Além da caminhada no solo, o visitante pode optar por fazer uma trilha suspensa, na altura das árvores, ou se aventurar em uma tirolesa que cruza uma boa área sobre a Terra dos Dinos. Para essas opções, há um custo adicional. Vale lembrar que nascidos e residentes no estado do Rio de Janeiro possuem desconto, pagando meia entrada (é necessário a apresentação de documento de identidade e comprovante de residência).

A visita ao Parque dos Dinossauros de Miguel Pereira já vale por sua beleza e riqueza de vegetação. Como o parque está situado em uma área de Mata Atlântica bem preservada, sua vegetação é muito rica, possuindo árvores de grande porte ao longo das trilhas. Os modelos de dinos tornam o passeio divertido. Um parque de diversão que é, sem dúvidas, uma experiência inesquecível e fascinante para todas as idades, pois a cada olhar, um novo dinossauro é descoberto.

WhatsApp Image 2022 11 10 at 14.15.38
O colunista do portal Serra News conta um pouco da sua experiência no parque.

Terra dos Dinos

O Parque dos Dinossauros de Miguel Pereira é um projeto desenvolvido entre as parcerias da Prefeitura Municipal e dos empresários Marcio Clare, da Bliv Projetos, e Sávio Neves, vice-presidente da Associação Brasileira de Trens Turísticos. A Terra dos Dinos apresenta infraestrutura completa (e divertida) para receber famílias, com praça de alimentação, área para as crianças brincarem, trilha suspensa e tirolesa.

Além das réplicas em tamanho real, o parque de Miguel Pereira traz fósseis, ovos e filhotes de dinossauros, os quais são ‘tratados’ por cuidadores e podem ser usados por visitantes para tirar fotos. A Terra dos Dinos também conta com uma área de paleontologia para educar os visitantes sobre a Era Mesozoica. Todos os espaços e réplicas de dinossauros são acessados por meio de trilhas.

A Terra dos Dinos é abrigada pelo Parque Rocha Negra, uma unidade de proteção integral do município situada na estrada RJ-125, entre o centro da cidade e o bairro de Arcádia. Com uma área de 1,4 milhão de metros quadrados, a reserva possui pontos com vistas privilegiadas para as montanhas do Centro-Sul do estado. Trata-se do maior espaço do gênero do mundo, com mais de 40 modelos dos bichos pré-históricos, em escalas reais, divididos pelos três mais importantes períodos do Planeta Terra.

WhatsApp Image 2022 11 15 at 10.55.08
A Terra dos Dinos é abrigada pelo Parque Rocha Negra, uma unidade de proteção integral do município situada na estrada RJ-125, uma área de 1,4 milhão de metros quadrados.

O horário de funcionamento da Terra dos Dinos é de quarta à segunda, das 9h às 17h. Os ingressos podem ser adquiridos no site oficial da atração a partir de R$ 59. É esperado que a região passe a receber até 5 milhões de visitantes por ano. O parque também tem ajudado a movimentar a economia local com a geração de, no mínimo, 160 empregos diretos e vários outros indiretos.

Gabriel Monnerat – Serra News

Empresas apoiam a informação de qualidade

Veja também
error: Content is protected !!