O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Árvore de aproximadamente 300 anos é identificada em Cordeiro

Na coluna ambiental desta semana, vamos falar de uma espécie de árvore que foi recentemente identificada na APA Mata do Posto de Cordeiro, na Região Serrana, identificada como sapopema, ou sapopemba – palavra derivada do tupi, sau’pema, que significa raiz chata, angulosa. Isso porque indivíduos dessa espécie apresenta uma grande raiz de forma tabular, que se desenvolve acima do solo, como o tronco. Essa formação é comum em várias outras árvores da floresta tropical.  Em alguns casos, essas raízes chegam a ter larguras maiores que a altura de um ser humano, e são o charme da árvore.

IMG 20220209 WA0055

A identificação foi feita por Juran Santos e Franco Estebanez, em uma de suas atividades do projeto Aventura Animal, desenvolvido por eles. A presença desse indivíduo no extrato de vegetação da APA da Mata do Posto é importante pois podemos supor que essa árvore possa ter resistido e sobrevivido a ações de desmatamento na área. Sua ocorrência confere ainda mais significado à importância de ações de preservação e conservação nas áreas que compõem a APA.  Estima-se que o espécime encontrado possua cerca de 30 metros de altura e tenha cerca de 300 anos. O que chama a atenção e ajudou em seu reconhecimento foram suas raízes tabulares enormes, que nascem junto do tronco.

IMG 20220209 WA0050

A sapopema é uma árvore bastante resistente podendo se desenvolver em matas de terra firme, bem como em áreas de alagadiço. Floresce nos meses de agosto e setembro, com os frutos florescendo em novembro e dezembro. A sua colheita se faz quando começam a abrir. Sua semente é conhecida como “ouriço” por ser redonda como uma bola e possuir espinhos.

Uma curiosidade que se conta sobre esta, na verdade uma lenda, é a de que o Curupira, o defensor das matas, bate com casco de jabuti nas suas raízes, produzindo estrondos. Elas também são utilizadas por índios para se comunicar, já que emitem um som grave.

Agora que você conhece um pouco sobre esta árvore, quem sabe pode identificar um exemplar por aí?

Gabriel Monnerat – Serra News

Empresas apoiam a informação de qualidade

Veja também
error: Content is protected !!