O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.
lateral-160×200
lateral-160×200

Filmagens na APA Mata do Posto em Cordeiro são surpreendentes

Nossa pauta hoje é um projeto incrível e que a cada dia acumula mais fãs: o projeto Aventura Animal. Esse projeto que se desenvolve na área de abrangência da APA Mata do Posto, no município de Cordeiro, foi idealizado pelo fotógrafo, e amante da natureza, Juran Santos, de Nova Friburgo, com a ajuda do amigo Franco Estebanez, nascido em Cantagalo e residente em Cordeiro.

Em depoimento à essa coluna, Juran Santos se define como fotógrafo completamente apaixonado pela natureza, esclarecendo que a ideia do  Aventura Animal com câmeras trap tem o objetivo de registrar as espécies de animais que vivem livremente na área coberta pelo projeto. As espécies com imagens capturadas pelas câmeras são catalogadas e quantificadas, gerando um registro importante da fauna local. Juran também considera como ponto forte para o projeto a possibilidade de obter registro de imagem de espécies que não se tenha conhecimento de ocorrência na área da APA da Mata do Posto. Ele ressaltou, também, que as câmeras trap não alteram o habitat dos animais, pois ficam totalmente camufladas, sem que sejam percebidas por eles.

Esse projeto teve início em janeiro de 2021 e tem previsão de duração de um ano e seis meses, tempo previsto para cobrir a grande extensão da APA Mata do Posto, possibilitando diversos registros em distintos locais. Para a realização foram usadas câmeras trap, ou câmeras armadilhas, que são remotamente ativadas e equipadas por um sensor de movimento ou sensor infravermelho. As armadilhas são usadas para capturar fotos ou filmes de animais selvagens sem que os pesquisadores precisem estar presentes e tem sido usada na pesquisa em Ecologia há décadas. Essas câmeras são deixadas em um ponto na mata para registarem o que passar por lá. Apesar do nome armadilha, essa câmera não tem nenhuma inteiração física com o animal, sendo a captura de imagens seu único objetivo.

Como essas câmeras ficam instaladas por um período longo sem a necessidade de uma pessoa no local, acabam possibilitando o registro de animais que às vezes não são avistados com facilidade, mesmo com várias idas a campo. Essa prática também possibilita registrar espécies das quais não se tenha conhecimento de ocorrência na área.

Os registros obtidos na APA Mata do Posto em Cordeiro foram surpreendentes. Apesar da área de mata no local, não se tinha, até então, o registro efetivo de imagem de determinados mamíferos que ocorrem na área. E esse fato não foi surpresa  apenas que para o idealizador do projeto, mas também para os conhecedores da região, como eu.

Filmagens na APA Mata do Posto em Cordeiro são surpreendentes

 

Os resultados obtidos pelo projeto até o momento já permitem ratificar o quanto é importante a preservação ambiental, mesmo em uma área reduzida. A vida silvestre pulsa e resiste, independente da extensão territorial. Cordeirenses, como eu, podem ter certeza de que somos privilegiados por termos a Mata do Posto como nossa floresta urbana e, até mesmo, nosso quintal.

Entre os animais já registrados pelo projeto, na APA da Mata do Posto, estão mamíferos como paca, quati, tamanduá mirim, irara, jaguatirica, gato do mato, tatu galinha e tatu rabo mole. Entre os répteis, os lagartos já foram registrados e entre as aves, as câmeras capturaram imagens de sabiá laranjeira, sabiá poca, sabiá una, coruja, jacu, inhambu e juriti.

Diante de tantos registros, podemos perceber como é rica nossa mata e que mesmo os pequenos fragmentos escondem tesouros de imenso valor da nossa fauna. Como ainda tem muito projeto pela frente, temos certeza de que virão muito mais registros surpreendentes.

Veja a baixo, imagens dos bichos capturados pelas câmeras traps.

Quem quiser ajudar o projeto, seja você uma empresa ou pessoa apaixonada pela natureza, a adquirir mais câmeras bem como a manutenção das mesmas,  pode entrar em contato pelo Instagram do nosso amigo Franco Estebanez.  ou Juran Santos.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ciente disso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia mais