O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Avô é preso acusado de estuprar neta de 2 anos em Campos dos Goytacazes

Um homem de 52 anos foi preso, na manhã de terça-feira (12/9), na localidade de Saturnino Braga, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. Ele é suspeito de praticar abuso sexual contra a própria neta, uma criança de apenas dois anos. Em coletiva de imprensa, a delegada Madeleine Dykeman falou detalhes sobre o caso que chocou a cidade.

A mãe da vítima compareceu à sede da delegacia no último domingo (10/9), relatando que, no dia sete de setembro, a filha começou a reclamar de dor nas partes íntimas, quando percebeu que a região realmente estava inchada e vermelha. Pensando que era algum tipo de assadura, a mãe começou a tratar com pomadas, mas a filha ainda insistia que o local (vagina) estava doendo.

Ao ser questionada pela mãe sobre o que tinha acontecido, a vítima contou que o avô teria colocado a mão na região íntima dela. “O avô colocava ela (vítima) de conchinha assistindo vídeos, enquanto introduzia o dedo na vagina dela. Ela falava para parar, dizia que estava doendo, mas ele dizia que não ia parar”, disse a mãe à delegada.

Ainda no domingo (10), a vítima foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) de Campos. “E na noite de ontem, para a nossa tristeza, esse exame veio positivo, a menina de 2 anos, não é mais virgem”, contou Madeleine emocionada.

“Diante de todo esse horror, de um homem que era pra estar protegendo a neta, causou esse estrago na família. E graças à essa mãe, que ouviu a filha, que acreditou nessa filha, e correu para podermos agir de forma rápida, tiramos essa menina das garras desse abusador”, acrescentou.

Durante a ação, os agentes também apreenderam uma arma calibre 38, 2 carregadores e 39 munições, além do celular do acusado, que ainda segundo a delegada, pode conter outros materiais de cunho pornográfico e/ou associado a pedofilia.

Empresas apoiam a informação de qualidade

Veja também
error: Content is protected !!