O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Navio que estava ancorado há seis anos atinge ponte Rio-Niterói

Um navio à deriva colidiu com a estrutura da ponte Rio-Niterói no início da noite desta segunda-feira (14), véspera de feriado da Proclamação da República. Por conta da colisão, os dois sentidos da via foram interditados preventivamente. A embarcação se chocou contra a ponte por volta das 18h30.

Segundo o Centro de Operações da Prefeitura do Rio de Janeiro, o navio graneleiro São Luiz estava abandonado há seis anos e a âncora não resistiu à pressão do vento. A Marinha do Brasil afirma que a “destinação da embarcação é objeto de processo judicial”, no entanto, não oferecia riscos à navegação.

A ponte Rio-Niterói precisou ser interditada para avaliação de possíveis danos estruturais. O fechamento da ponte Rio-Niterói causou reflexos no trânsito na capital fluminense, principalmente nos acessos à via, como Avenida Brasil, Linha Vermelha e BR-101.

Os veículos voltaram a circular às 21:33h, após mais de três horas de interdição na ponte.

O navio é mais um dos exemplos do “cemitério de embarcações” que se encontra na baía da Guanabara, conforme relatou uma reportagem da TV Globo. A emissora relatou a deterioração do navio.

Imagens divulgadas nas redes sociais mostram o momento quando um navio à deriva se choca com a ponte Rio-Niterói. Imagens feitas posteriormente ao incidente, mostra o navio sendo empurrado por embarcações menores (vídeo acima).

Veja também
error: Content is protected !!