O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Escola de Nova Friburgo é a primeira do estado a receber selo Lixo Zero

O Estado do Rio de Janeiro ganhou a primeira escola certificada com o selo Lixo Zero, concedido pelo Instituto Lixo Zero às instituições que conseguem reaproveitar mais de 90% de seus resíduos. O Ciep E-Tec 480 Professor Luiz Carlos Veronese, em Nova Friburgo, na Região Serrana, destinou 93% do lixo produzido diariamente na escola à compostagem ou reciclagem, deixando assim de enviá-los a aterros sanitários.

O reconhecimento foi feito durante o I Simpósio de Educação, Inovação e Sustentabilidade do Estado do Rio de Janeiro – A Política de Educação e as Práticas de Sustentabilidade, realizado na quinta-feira (11/8) pela Secretaria de Estado de Educação (Seeduc), em parceria com a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).

O projeto Lixo Zero foi implantado em 50 Cieps da rede estadual que estão sendo transformados em E-Tecs (Escolas de Novas Tecnologias e Oportunidades). O presidente do Instituto Lixo Zero, Rodrigo Sabattini, diz que a iniciativa é única no Brasil.

Para o secretário de Estado de Educação, Alexandre Valle, a certificação é resultado de um esforço coletivo de toda a comunidade escolar para criar novos hábitos, formando cidadãos mais responsáveis e construindo uma sociedade mais sustentável.

O objetivo do Simpósio foi debater a sustentabilidade integrada à política de educação da rede estadual e divulgar as ações iniciadas nas E-Tecs, que serão ampliadas para todas as 1.200 escolas da rede.

Segundo Júlio Cesar Barros, criador do projeto Hortas Cariocas, desde o início do projeto nas E-Tecs, 74 mil mudas foram plantadas e 6,5 toneladas de alimentos foram produzidas, reforçando a alimentação escolar.

Veja também
error: Content is protected !!