Hospital de Cantagalo aguarda credenciamento estadual para leitos de UTI

Hospital de Cantagalo aguarda credenciamento estadual para leitos de UTI

A Santa Casa de Caridade de Cantagalo (Hospital de Cantagalo), na Região Serrana do Rio, aguarda o credenciamento por parte da Secretaria Estadual de Saúde desde o início de 2020 para a regularização do Centro de Terapia Intensiva (CTI) João Paulo II.

O CTI João Paulo II foi inaugurado oficialmente em agosto de 2018 por uma equipe de profissionais capacitados e suas atividades estavam previstas para início em 2019, marcando uma nova etapa no atendimento médico especializado em Cantagalo, que também visa beneficiar as cidades circunvizinhas.

No entanto, os leitos do CTI não ficaram disponíveis para o Sistema Único de Saúde (SUS) em vista do não credenciamento por parte da Secretaria Estadual de Saúde. “Um protocolo para o credenciamento foi apresentado no início de 2020, mas o Hospital de Cantagalo aguarda o inteiro posicionamento do Governo do Estado do Rio de Janeiro” – informou em nota a unidade.

Nota da Prefeitura

Em nota, a Prefeitura Municipal de Cantagalo também se pronunciou sobre o caso. Abaixo a nota da Prefeitura na íntegra:

Nota sobre o CTI João Paulo II em Cantagalo RJ

“O Município de Cantagalo vem esclarecer a desinformação publicada pelo site denominado diariodorio.com e pelas redes sociais do Deputado Estadual Rodrigo Amorim que afirmou acerca da existência de 13 leitos de UTI da Prefeitura de Cantagalo que estariam ociosos.

Inicialmente, esclarecemos que a rede municipal de saúde de Cantagalo não dispõe de UTI, mas que existe, sim, uma estrutura de UTI privado na Santa Casa de Caridade de Cantagalo que tenta há mais de um ano ser credenciada pela Secretaria de Estado e Saúde no SUS.

Desta forma, informamos que os leitos de UTI não são da Prefeitura de Cantagalo, mas sim privados, e que o seu funcionamento depende do aval da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro.

Assim, com a denúncia do Deputado Rodrigo Amorim ao Governador esperamos que haja, o mais breve possível, a avaliação pela SES e o respectivo credenciamento dos leitos no SUS.”

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.