Cantagalo: Morre 3ª vítima de acidente na RJ-160, em Santa Rita da Floresta

Cantagalo: Morre 3ª vítima de acidente na RJ-160, em Santa Rita da Floresta

Morreu ainda nesta madrugada a terceira vítima do grave acidente ocorrido na RJ-160, no distrito de Santa Rita da Floresta, em Cantagalo. Ao todo, três pessoas perderam a vida na colisão frontal entre um veículo de passeio e um caminhão. O motorista do caminhão sofreu ferimentos considerados leves, assim como a outra vítima socorrida que estava no veículo de passeio.

Um homem identificado como Nelci Cunha, de 63 anos, e uma mulher identificada como Elisabete Cunha, de 64 anos, ambos moradores do distrito de Boa Sorte, vieram a óbito no local do acidente. Já a enfermeira Selma Arão, de 52 anos, moradora de Cantagalo, que havia sido socorrida em estado grave e levada para o hospital, não resistiu e veio a óbito.

Gave acidente

O grave acidente deixou duas pessoas mortas no local e outras duas vítimas foram socorridas e levadas para o Hospital de Cantagalo – sendo uma em estado grave – na noite desta terça-feira (13/10) na RJ-160, no distrito de Santa Rita da Floresta, em Cantagalo, na Região Serrana do Rio de Janeiro.

Vítima fatal de acidente na RJ-160, entre Cantagalo e Santa Rita da Floresta

A vítima em estado grave era a enfermeira Selma Arão, de 52 anos, que não resistiu aos ferimentos e veio a óbito na unidade hospitalar. A outra vítima socorrida é uma mulher que também estava no veículo de passeio e sofreu ferimentos leves.

No veículo Fiat UNO estavam as três vítimas fatais deste acidente e mais uma mulher que sofreu ferimentos leves. O caminhão colidiu frontalmente com o carro de passeio numa curva próximo a ponte de concreto sobre o Rio Quilombo. O Corpo de Bombeiros, SAMU e a Polícia Rodoviária Estadual compareceram ao local para o socorro das vítimas.

Capivara na pista

A redação do Serra News recebeu nesta manhã a informação de que o acidente teria sido por conta de um desvio para não atingir uma capivara que atravessava a RJ-160. O caminhão teria tentado se desviar do animal na pista, quando colidiu frontalmente com o veículo Fiat UNO que seguia sentido oposto. A comunidade de Santa Rita da Floresta pede que a sinalização seja reforçada no local.

“Ficamos muito triste com o acidente ontem vitimando três pessoas do nosso município de Cantagalo RJ. Aquele local do acidente é de travessia permanente de animais silvestres (capivaras). Já foram vistas famílias inteiras de capivaras atravessando a pista e capivaras mortas na estrada.

É de conhecimento de todos que a capivara é um animal de grande população. E pode provocar acidentes fatais, tanto de motociclistas quanto de outros veículos. Sendo assim, pedimos que coloquem placas de sinalização indicando travessia de animais silvestres no local. Isso evitaria acidentes com pessoas e também os animais. Perdemos três vidas.”

Acidentes na RJ-160

Esse é o segundo grave acidente em onze dias nessa rodovia, que foi recapeada neste ano.

No dia 02 de outubro, sete pessoas – sendo três crianças – ficaram feridas em uma grave colisão que ocorreu por volta das 14h na RJ-160, próximo ao Trevo da Aldeia, em Cantagalo. Um veículo Fiat Toro colidiu frontalmente com um Corsa Sedan. Apesar dos feridos, ninguém veio a óbito.

Já no dia 14 de setembro, outro grave acidente envolvendo a colisão entre duas carretas deixou duas pessoas feridas no Trevo da Aldeia, em Cantagalo. Com o impacto, um dos veículos tombou na pista. Não houve óbitos.

No dia 30 de julho, uma mulher grávida e seu marido capotaram o veículo Fiat Uno Way na também na RJ-160, próximo ao Bar da Cassinha, em Cantagalo. O casal seguia direção a cidade de Cantagalo, quando tudo aconteceu. O rapaz sofreu uma lesão na clavícula e a mulher que estava grávida não sofreu ferimentos. A parte dianteira do carro ficou destruída.

Grave acidente deixa 2 mortos na RJ-160, em Santa Rita da Floresta

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.