Após seis meses de obras, Estação Livre é liberada em Nova Friburgo

Após seis meses de obras, Estação Livre é liberada em Nova Friburgo

A Estação Livre, principal parada de ônibus urbanos em Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, foi liberada para embarque e desembarque para linhas do lado sul, depois de seis meses de obras. Com a liberação, a estação passou a funcionar completamente.

Esta segunda-feira (22) foi o primeiro dia útil depois do fim das intervenções e a falta de rampas de acesso para cadeirantes foi a maior reclamação de quem utiliza o espaço diariamente. Após a reforma, a única rampa disponível até o momento fica na Praça Getúlio Vargas, ao lado da Estação Livre.

“É uma dificuldade subir com ele na cadeira de rodas porque não tá tendo rampa. Fizeram a rodoviária e esqueceram da rampa”, contou a dona de casa Eliana Flores, que todos os dias utiliza o transporte público para transportar o irmão cadeirante Evandro.

A Prefeitura de Nova Friburgo informou que será construído um traffic calming na rua Francisco Miele, que também servirá de auxílio para os cadeirantes. Questionado sobre quando o traffic calming ficará pronto, o governo municipal não deu uma data, mas disse que a obra estará pronta em breve.

Sobre as obras

Neste novo projeto da Estação Livre, três ônibus estacionam simultaneamente em cada lado, a ideia é facilitar a manobra e agilizar o embarque e desembarque de passageiros.

A empresa contratada iniciou as obras, avaliadas em R$ 1.032.184,16, no dia 08 de julho de 2019. O prazo de entrega seria de cinco meses, mas houve atrasos, o que gerou muita reclamação dos moradores pela falta de pontos de ônibus apropriados.

O lado norte da Estação foi liberado no dia 11 de fevereiro.

Durante a obra, a Prefeitura também chegou a incluir dois aditivos em Diário Oficial. O primeiro deles foi publicado no dia 31 de janeiro e prorrogava por 90 dias o prazo de entrega. O segundo, publicado no dia 28 de maio, acrescentou quase R$ 242 mil para que a obra fosse finalizada.

De acordo com o secretário municipal de Obras, Jeferson Aragão, alguns imprevistos foram os responsáveis pelos gastos extras e a demora para a entrega do lado sul.

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.