Vítima de acidente na RJ-152 não chegou ser transferida de helicóptero

Cantagalo: Vítima de acidente na RJ-152 é transferido de helicóptero

O condutor do carro de passeio que sofreu acidente na manhã deste sábado (29/02) na RJ-152, não chegou ser transferido de helicóptero de Cantagalo para o Hospital de Itaperuna, no Noroeste Fluminense.

Um helicóptero do Corpo de Bombeiros foi designado para realizar a transferência de Alexandre Rossi, porém, os médicos informaram que o paciente não aguentaria e ele veio a óbito no Hospital de Cantagalo.

Alexandre Rossi era casado e gerente de produção da fábrica Lafarg-Holcim. Ele seguia sentido Itaocara quando acabou colidindo com uma kombi escolar que seguia direção Cantagalo.

O carro que conduzia capotou e caiu numa ribanceira as margens da rodovia. Já a kombi escolar rodou na RJ-152 e ocupou uma faixa da estrada. Ao todo, duas pessoas ficaram feridas no acidente.

Alexandre Rossi havia sofrido traumatismo craniano e seu estado de saúde era gravíssimo. Já “Leleko”, morador de Boa Sorte, que estava na kombi escolar, quebrou a bacia e fêmur, além de ter sofrido outras escoriações.

Mas esse foi o segundo acidente em menos de 24 horas registrado na rodovia. Equipes do Corpo de Bombeiros e SAMU fizeram o resgate das vítimas na RJ-152.

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.