O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Itaocara: Projeto prevê criação do Monumento Natural da Serra Vermelha

A Prefeitura de Itaocara, no Noroeste Fluminense, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, está convocando moradores, pesquisadores, ambientalistas e outros interessados, para participar da consulta pública para a criação de duas unidades de conservação no município.

O projeto prevê a criação de um Monumento Natural (MONA), de proteção integral, na região de Serra Vermelha. A unidade de conservação será dividida em seis núcleos, reunindo as reservas legais e os fragmentos de Mata Atlântica em bom estado de conservação, somando mais de 1,1 mil hectares e sem necessidade de desapropriações. O entorno será uma grande Área de Proteção Ambiental (APA), de uso sustentável, para disciplinar a ocupação do solo e o uso sustentável dos recursos naturais em uma área com mais de 4,8 mil hectares.

“Infelizmente, Itaocara foi um dos municípios mais desmatados no estado do Rio desde a colonização, mas temos importantes fragmentos que merecem essa atenção especial do poder público. Essa preservação já é feita por moradores, mas sem esse reconhecimento, Itaocara amarga nas últimas posições do ICMS Ecológico e perde dinheiro, dinheiro esse que poderia ser revertido em projetos para os próprios moradores e impulsionar o desenvolvimento sustentável”, explica o secretário de Meio Ambiente, Seylor Ornellas.

A proposta de criação das unidades de conservação em Itaocara foi defendida pelo prefeito Geyves Maia ainda na campanha de 2020. O Município recebeu apoio do Programa de Apoio às Unidades de Conservação Municipais (ProUC), da Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade (SEAS), para a criação dos estudos técnicos para três propostas de unidades de conservação.

Itaocara: Projeto prevê criação do Monumento Natural da Serra Vermelha

O edital foi publicado no dia 29/11. Ideias, sugestões, dúvidas ou outras contribuições às propostas podem ser feitas até 13 de dezembro por meio dos formulários nos locais físicos de consulta ao estudo técnico (na UBS de Estrada Nova, na recepção da Prefeitura ou na Secretaria de Meio Ambiente). Documentos protocolados ou contribuições pelo e-mail [email protected] também serão aceitos até 13/12. O estudo técnico também está disponível no site da Prefeitura de Itaocara. Os interessados também poderão expor dúvidas e sugestões no dia da consulta pública, em 14/12, às 13h, no Clube União.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ciente disso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia mais