Polícia apreende balsa usada na extração ilegal de ouro em Itaocara

FONTE: FOLHA ITAOCARENSE
A Polícia Ambiental continua coibindo a extração ilegal de ouro no Rio Paraíba do Sul. Na tarde desta quarta-feira (19), os agentes da 3ª Unidade de Polícia Ambiental (UPAm) apreenderam uma balsa e materiais usados na extração do metal precioso próximo ao distrito de Batatal, em Itaocara.

Segundo informações da Polícia Ambiental, os policiais encontraram no local uma balsa flutuante, motor a diesel, bomba de sucção e compressor de ar, além de roupa de mergulho e carpetes usados em garimpo. Na margem do rio também havia uma retroescavadeira e uma escavadeira hidráulica, que estavam desligadas no momento da fiscalização. 

Quatro homens estavam operando os equipamentos na balsa. Nenhum deles apresentou a documentação que permitisse a extração do metal no rio. Todos foram encaminhados para a 135ª Delegacia Legal de Itaocara, onde o caso foi registrado como crime contra o meio ambiente e crime contra a ordem econômica.

A balsa, os equipamentos e as máquinas foram apreendidas. Um dos envolvidos conduzidos para a Delegacia ficou como fiel depositário dos materiais.


Leia também: Polícia flagra extração ilegal de ouro no Rio Paraíba do Sul, em São Fidélis

A 3ª UPAm sempre lembra que a população pode ajudar a combater crimes ambientais denunciando à Polícia Ambiental. O telefone do Disk Denúncia da unidade é (22) 2561-3228. Denúncias podem ser feitas também pela Linha Verde (0300-2531177).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.