Sumidouro: Suspeito de atear fogo na mulher deixa hospital e irá para a prisão - Serra News | RJ

Notícias

25 de abr de 2019

Sumidouro: Suspeito de atear fogo na mulher deixa hospital e irá para a prisão


O homem suspeito de atear fogo na mulher em Sumidouro, na Região Serrana do Rio, será encaminhado para um presido no Rio de Janeiro nesta sexta-feira (26/04). Ele teve alta do hospital onde também tratava de queimaduras nesta quinta (25).

De acordo com o delegado Vinícius Paiva, da 111ª Delegacia de Polícia, o homem teve a prisão temporária decretada por 30 dias. O objetivo da polícia é concluir o inquérito dentro deste prazo para que seja encaminhado ao Ministério Público.

"Testemunhas já foram ouvidas e elas confirmaram atitudes agressivas e descontroladas por parte do suspeito", disse o delegado Vinícius Paiva. Segundo o delegado, o casal passava por crises no relacionamento e estava em fase de separação.

Relembre o caso

O caso aconteceu na madrugada de quarta-feira (24/04). A mulher teve 90% do corpo queimados e está em estado gravíssimo.

Ela foi socorrida para o Hospital Municipal Doutor João Pereira Martins e transferida com urgência para um hospital de Itaocara.

Segundo a Polícia Militar, no momento do crime, havia três crianças na casa. Elas foram salvas por vizinhos e não ficaram feridas. Não há informações se elas eram filhas do casal.

A suspeita é que ele retirou a gasolina da própria moto, espalhou pela casa e jogou na mulher, ateando fogo. Pessoas que estavam no local disseram aos policiais que o casal estava junto há cerca de dois anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário