Cachaças da Região Serrana conquistam prêmios no Concurso Mundial de Bruxelas

Cachaças da Região Serrana conquistam prêmios no Concurso Mundial de Bruxelas
As cachaças Da Quinta (Carmo) e Fazenda Soledade (Nova Friburgo) receberam duas premiações cada, durante a Etapa Brasil de Destilados do Concurso Mundial de Bruxelas 2018. A cachaça Da Quinta/Carvalho e Fazenda Soledade/Bálsamo, receberam a Medalha Duplo Ouro em suas categorias.
 
Já a cachaça Da Quinta/Amburana, recebeu Medalha de Ouro, enquanto que a Soledade/Ipê, ficou com a Medalha de Prata. As premiações de cada categoria eram divididas em Duplo Ouro, Ouro e Prata.
 
 
Juntamente com elas, outras cachaças do Rio de Janeiro foram premiadas, entre as quais:
 
Medalha de Duplo Ouro:
 
– Cachaça Werneck/Premium-Ouro
 
– Cachaça Coqueiro/Ouro (Paraty)
 
– Cachaça Reserva do Nosco (Resende).
 
Medalha de Ouro:
 
– Cachaça Werneck/Safira Régia
 
– Tapinuã dos Reis (Silva Jardim)
 
– Santa Rosa-Essence
 
– Santa Rosa-Exclusive (ambas de Valença).
 
Medalha de Prata:
 
– Paratiana (Paraty)
 
– Tapinuã dos Reis (Silva Jardim).
 
Ao todo, as cachaças fluminenses receberam 13 medalhas. Todas as cachaças que participaram da etapa nacional do Concurso Mundial de Bruxelas 2018 receberam apoio do Sebrae/RJ para desenvolverem projetos que tinham como objetivo aprimorar a excelência deste segmento de negócio.