O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Criança vai para a UTI após picada de cobra jararaca em São Fidélis

Uma criança – um menino de 11 anos – que foi picada no tornozelo direito por uma cobra jararaca, na localidade de Brejinho, na zona rural de São Fidélis, no Norte Fluminense, está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular de Campos dos Goytacazes.

A criança foi transferida de São Fidélis para Campos na noite do último sábado (19/11), onde foi medicada com o soro específico para picada de cobra e transferida para um hospital particular, que não divulgou o seu estado de saúde. O Hospital Armando Vidal, de São Fidélis, não informou se existe a falta do soro antiofídico na unidade.

Jararaca

A jararaca (Bothrops jararaca) é uma das serpentes mais comuns do sudeste Brasil. Vive em ambiente preferencialmente úmidos, como beira de rios e córregos, onde também se encontram rato e sapos, suas presas mais caçadas.

No Brasil, as mordidas de jararaca (Bothrops jararaca) respondem por cerca de 90% do total de acidentes com humanos envolvendo serpentes. O veneno da jararaca pode provocar lesões no local da mordida, tais como hemorragia e necrose que podem levar, em casos mais graves, a amputações dos membros afetados.

A jararaca costuma ficar bem camuflada sobre as folhas secas, quando ameaçada achata-se e bate a cauda sobre as folhas. Apesar de peçonhenta, a serpente desempenha um papel importante no controle da população de roedores, que transmitem doenças como a leptospirose, provocando muitas mortes.

Empresas apoiam a informação de qualidade

Veja também
error: Content is protected !!