O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

RJ: Consumidor busca substitutos para a ceia de Natal mais modesta

O segundo Natal comemorado em meio à pandemia de coronavírus marca um certo alívio para os encontros com a família e os amigos, diante do avanço da vacinação, mas impõe freio nos gastos e mudança de hábitos, na tentativa de driblar a inflação alta e persistente, sobretudo à mesa do consumidor.

Os fluminenses estão buscando alternativas na carne de porco, por exemplo, que sofreu variações de preços mais modestas. As iguarias importadas sofreram concorrência acirrada com os itens nacionais. Todavia, os tradicionais Chester e Peru de Natal estão em promoção neste fim de ano.

Na Rede Superthal Supermercados, por exemplo, o preço do Peru Sadia + 1 Lasanha de brinde está saindo R$26,90, e o Chester Perdigão + 1 Lasanha de brinde custa R$ 24,98. O Bacalhau em lascas polacas está saindo á R$ 53,90. Uma alternativa para carne branca encontramos em bom tamanho e preço a Ave Big Cheff, por apenas R$ 13,98. Confira abaixo!

Um levantamento da Associação de Supermercados do Estado (ASERJ), mostrou que mais de 50% das famílias do Rio de Janeiro irão reduzir os gastos com a ceia de Natal deste ano. O motivo disto, é a alta nos preços dos alimentos, na qual o valor médio das compras deve ficar entre R$ 100 e R$ 300. Os itens mais comuns como o peru e o bacalhau devem ficar fora da ceia de muitas famílias, informou a pesquisa.

De acordo com a pesquisa da ASSERJ, mais de 31% dos entrevistados não vão comprar bacalhau, enquanto 16% dos moradores ouvidos afirmaram que não vão comprar peru. Para muitos, a celebração é sinônimo de brinde com espumante, porém 37,9% das pessoas indicaram que não pretendem gastar comprando nenhum tipo de bebida alcoólica. Ainda segundo o levantamento, 70% das pessoas ouvidas disseram que a noite de Natal vai ser uma reunião pequena, com no máximo, 10 convidados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ciente disso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia mais