O portal de notícias que mais cresce na serra carioca.

Bandidos agem de forma parecida para furtar em Itaperuna, Cambuci e São Fidélis

A Polícia Civil investiga um furto ocorrido num estabelecimento comercial de Itaperuna, no Noroeste Fluminense, no final da noite desta segunda-feira, 18/10. O prejuízo foi grande para uma ótica e joalheria localizada no Centro da cidade.

Uma farmácia foi invadida por criminosos na Rua Assis Ribeiro. No interior da drogaria foi feito buraco que dá acesso à ótica e joalheria, onde o delito foi cometido. Foram furtados cerca de 500 relógios e 60 cordões de ouro, além de R$ 4 mil em dinheiro do estabelecimento. Já da farmácia, foram levados R$ 400.

Ótica e joalheria tem 500 relógios, 60 cordões de ouro e dinheiro furtados no Centro de Itaperuna (Foto: Blog Jorge Luiz)
Ótica e joalheria tem 500 relógios, 60 cordões de ouro e dinheiro furtados no Centro de Itaperuna (Foto: Blog Jorge Luiz)

A Polícia Civil solicitou presença de papiloscopista para colher dados no local do crime. Acesso a câmeras de segurança também foram solicitados. O caso foi registrado e continua sendo investigado pela 143ª Delegacia Legal.

São Fidélis

Na última semana, um furto parecido ocorreu a uma joalheria que fica na Rua Dr. José Francisco, em São Fidélis, no Norte Fluminense. Bandidos invadiram uma casa localizada na Avenida Sete de Setembro, de onde fizeram um buraco para acessar o estabelecimento. De acordo com a polícia, pelo menos dois homens participaram do crime. Eles estavam de máscaras, encapuzados e de bonés.

Bandidos invadiram uma casa localizada na Avenida Sete de Setembro, de onde fizeram um buraco para acessar a joalheria em São Fidélis (Foto: Campos 24h)
Bandidos invadiram uma casa localizada, de onde fizeram um buraco para acessar a joalheria de São Fidélis (Foto: Campos 24h)

Em março de 2019, na mesma cidade, outro crime parecido. Uma quadrilha invadiu e furtou cerca R$ 80 mil de uma casa lotérica de São Fidélis. O estabelecimento fica a poucos metros de uma joalheria que foi furtada na última semana. Nos dois casos os bandidos agiram de forma parecida, e nos dois casos, ninguém foi identificado ou preso até o momento. Lá em 2019, bandidos invadiram uma residência na Rua Dr. José Francisco e fizeram uma idosa, de 87 anos, refém. A quadrilha ficou durante horas na casa da idosa, de onde fizeram um buraco na parede para acessar a casa lotérica.

Em março de 2019, uma quadrilha invadiu e furtou cerca R$ 80 mil de uma casa lotérica de São Fidélis, a poucos metros de uma joalheria que foi furtada na última semana (Print da câmera de segurança)
Em março de 2019, uma quadrilha invadiu e furtou cerca R$ 80 mil de uma casa lotérica de São Fidélis, a poucos metros de uma joalheria que foi furtada na última semana (Print da câmera de segurança)

Cambuci

No mês de maio deste ano, um crime com buraco na parede também foi registrado em Cambuci, no Noroeste Fluminense. Pelo menos R$ 44 mil em dinheiro foram levados de uma Casa Lotérica durante ação de bandidos pela madrugada. Os criminosos acessaram o local através de um dos boxes do Mercado do Municipal, na Rua Vicente Belo, vizinho a agência, que teve um buraco aberto na parede.

furto cambuci 1
Em maio de 2021, pelo menos R$ 44 mil foram levados de uma Casa Lotérica em Cambuci (Foto: Arquivo)

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ciente disso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia mais