Carmo: Polícia prende três mulheres que enganavam clientes pela internet

Carmo: Polícia prende três mulheres que enganavam clientes pela internet

Policiais civis da 112ª DP (Carmo), na Região Serrana do Rio, prenderam no último dia 12 de fevereiro, três mulheres que vendiam, por meio da internet, roupas infantis que nunca chegavam aos consumidores. Segundo as investigações, o golpe era aplicado em estados como Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Santa Catarina. Em nove meses, a estimativa é que as acusadas tenham lucrado R$ 58 mil com os crimes.

De acordo com os agentes, duas das estelionatárias utilizavam perfis falsos de uma rede social para venda de roupas infantis. Uma terceira mulher alugava sua conta para as golpistas. Os compradores que se interessavam pelo anúncio eram orientados a fazer o depósito inicial na conta de uma das criminosas como sinal e, também, para garantir que a mercadoria seria entregue. No entanto, o produto nunca chegava aos clientes. Os depósitos das vítimas variaram de R$ 100,00 a R$ 600,00 e eram feitos em um banco na cidade paulista de Votuporanga.

– Após o registro de uma vítima, os policiais chegaram até a casa das envolvidas, no município de Carmo. No local foram encontrados comprovantes que mostravam a participação das mulheres no crime, como extratos bancários, celulares, dinheiro, cartões de banco de sete contas diferentes e documentação da conta usada para aplicar os golpes, que estava em nome de uma terceira pessoa. Elas usavam diversos saques e depósitos em contas diversas para tentar mascarar a origem ilícita do dinheiro – disse o titular da 112ª DP, delegado Heberth Tavares Cardoso.

As mulheres estelionatárias de Carmo responderão pelos crimes de lavagem de dinheiro, estelionato e organização criminosa. As investigações continuarão para identificar eventuais comparsas do trio e novos fatos criminosos.

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.