Acidentes com pipas em redes de energia crescem durante pandemia

Acidentes com pipas em redes de energia crescem durante pandemia

Os acidentes com pipas que caem em redes elétricas cresceram durante a pandemia. A pipa, ou papagaio, é um dos brinquedos mais democráticos do mundo e capaz de garantir a diversão por menos de R$ 2.

Dados da concessionária de energia Energisa, aponta um aumento de 50% nas ocorrências relacionadas a objetos que tiveram contato direto com a rede elétrica, especialmente as ocasionadas por pipas, durante o período de pandemia.

As ocorrências de acidentes com pipas vão muito além da rede de energia e já causaram mortes no estado do Rio de Janeiro. Mesmo assim, com mais tempo em casa, muitas crianças e adultos continuam fazendo a brincadeira de forma perigosa e usando a linha chilena ou o cerol que são proibidos.

Números da concessionária informam que nesse período 24.442 mil clientes ficaram sem energia, devido as pipas atingirem os fios energizados. O volume é 50% superior se comparado as estatísticas registradas de janeiro até a última quinzena do mês de junho do ano passado, que somou 11.242 clientes com interrupção do fornecimento.

Além da interrupção no fornecimento de energia, o contato direto com a rede pode ocasionar diversos tipos de problemas, entre eles: choque elétrico, incêndio e até mesmo acidente fatal.

Lei Estadual

No ano passado, o Governador Wilson Witzel reeditou a Lei nº 7784, de 2017, que “proíbe a comercialização, o uso, o porte e a posse da substância constituída de vidro moído e cola (cerol), além da linha encerada com quartzo moído, algodão e óxido de alumínio (linha chilena), e de qualquer produto utilizado na prática de soltar pipas que possua elementos cortantes, e dá outras providências.” Ao texto original foi acrescentada a proibição à “feitura informal”.

Diante de incidentes sobre linha chilena, a população pode acionar as equipes da Polícia Militar através do número 190. O anonimato é garantido.

Cuidados

O ideal é que a soltura de pipa ocorra em locais abertos e afastados dos fios elétricos. Jamais faça uso de linhas metálicas, linha chilena ou cerol. Caso a pipa fique presa aos cabos de energia, nunca tente retirá-la.

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.