Você sabe a diferença entre lockdown, quarentena e isolamento social?

Exame testa negativo para mais um caso suspeito de coronavírus em Cantagalo

Com a disseminação do novo coronavírus, autoridades de saúde fizeram várias recomendações para auxiliar a população no enfrentamento do problema. Além da utilização de máscaras em público e a constante higienização das mãos com álcool em gel, algumas medidas de isolamento, distanciamento social, quarentena e até lockdown foram adotadas.

Esses termos, apesar de confundirem muitas pessoas quanto ao que cada um significa, possuem objetivos diferentes, que se enquadram em momentos específicos da atual situação do mundo. Para ajudá-lo a entender o que cada uma dessas palavras quer dizer, preparamos um pequeno guia sobre o assunto.

Quarentena

Basicamente, se trata da medida que separa e restringe a circulação e o acesso de pessoas que foram comprovadamente ou podem ter sido expostas a doenças contagiosas. O principal objetivo da prática é verificar se o indivíduo desenvolve sintomas de infecção. Em teoria, isso faz com que uma possível propagação da doença seja evitada.

Talvez o termo mais antigo da lista, a palavra foi criada em meados do século 14, em Veneza, na Itália, durante o período da peste bubônica. Para evitar que marinheiros trouxessem a doença para a cidade, autoridades fizeram com que toda a tripulação dos navios ficasse confinada por 40 dias antes de desembarcar. Hoje, apesar de a palavra se manter, é possível que o período seja maior ou menor.

Devido à situação atual, é bastante comum ver que o termo foi empregado para designar pessoas que simplesmente estão em casa durante o período em que a doença está se espalhando. Por isso é comum ouvir que estamos “de quarentena” por ficar em nossas residências durante esse tempo.

Lockdown

Em definição exata, a palavra “lockdown” se refere a uma situação em que as pessoas estão sendo impedidas de circular livremente em um local fechado, seja um edifício, ou em áreas abertas. Isso ocorre devido a alguma emergência em andamento.

O termo não é novo, mas se tornou bastante popular nos últimos meses para definir as medidas de proibição de circulação impostas em Wuhan, na China, local considerado o primeiro epicentro do novo coronavírus.

No Brasil, o “lockdown” foi decretado na grande São Luís, capital do Maranhão. Por aqui, a medida é entendida como uma maneira mais intensa de restringir a circulação de indivíduos e, consequentemente, evitar a disseminação da doença.

Durante o período, autoridades de segurança vão garantir que apenas serviços essenciais possam funcionar, além de impor barreiras de tráfego em locais determinados. A circulação de carros e pessoas também é reduzida, sendo autorizada apenas a saída de casa para a compra de alimentos, medicamentos e transporte de indivíduos para hospitais.

O “lockdown” deve ser imposto por lei ou decisão judicial – como aconteceu no Maranhão. A ideia é que essas restrições sejam válidas por dez dias, com o objetivo de conter o avanço do novo coronavírus.

Isolamento

A palavra é adotada em seu sentido literal. A ideia é separar as pessoas doentes de quem está saudável. Aos que estão em isolamento fora do hospital, a recomendação das autoridades de saúde é de manter-se em um cômodo separado em casa, sem a presença dos demais membros da família – isso se possível, claro.

Atualmente, o termo, assim como quarentena, é utilizado pare definir pessoas que estão em casa com o intuito de evitar o contato com outras pessoas e, assim, não se contaminar.

Distanciamento social

Frase é usada para definir uma distância física entre as pessoas que são obrigadas a sair às ruas, seja para trabalhar ou ir atrás dos serviços essenciais. Um exemplo recente disso são as filas organizadas para recebimento do auxílio emergencial. Em vários lugares, as agências da Caixa Econômica Federal demarcaram no chão o local em que as pessoas devem ficar, geralmente com um metro de distância da pessoa à sua frente e com a mesma medida para a pessoa atrás.

Para o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, essa é uma das medidas mais importantes adotadas ultimamente, pois evita aglomerações e, consequentemente, o contágio em alguns casos.

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.