Mulher filma esposo sendo agredido por policiais em Cantagalo

Mulher filma esposo sendo agredido por policiais em Cantagalo e a esposa do rapaz filma ação

Um caso de um homem sendo agredido por policiais em Cantagalo chamou a atenção do Serra News nesta sexta-feira (22/05). Um vídeo enviado anonimamente para nossa equipe mostra um policial desferindo um soco no rosto de um rapaz no bairro São José e a esposa filmou tudo. Não contentes ao perceber que estavam sendo filmados, os policiais mandam apagar o vídeo e, um deles, parte pra cima da mulher.

O caso ocorreu na Rua Nair Jacinta. O vídeo mostra o rapaz sendo imobilizado e levando um soco no rosto já no chão, enquanto sua mãe tentava protege-lo da ação. De acordo com a esposa do rapaz – que tem uma padaria na localidade – ele foi agredido em frente das filhas após reclamar que a viatura da Polícia Militar estava passando em alta velocidade na rua que não possui calçada e tem muita movimentação de crianças.

O 11º Batalhão de Polícia Militar informou que o homem teria desacatado os policiais militares, que estavam numa ação para prender dois indivíduos suspeitos de furto no distrito de Boa Sorte, em Cantagalo. Porém, testemunhas relatam que o fato ocorreu pouco tempo depois de os rapazes terem sido presos. A assessoria da PM informou ainda que o rapaz não obedeceu a ordem de prisão que lhe foi dada devido o desacato.

A esposa conta que os agentes “cantavam” pneus e ninguém da localidade entendeu o motivo da direção perigosa, já que os alvos dos PMs – dois rapazes suspeitos de furto de uma moto – já haviam sido detidos.

Já na 153ª DP, após o ocorrido, a esposa do rapaz contou que os policiais alegaram que ele teria tentado pegar a arma de um dos agentes, fato esse que foi desmentido pela comerciante em vídeo. Ela relatou também que por duas vezes teria sido ameaçada de morte. A PM alegou que a ação foi necessária para imobilizar o rapaz.

A mãe do rapaz, visivelmente abalada nas redes sociais, disse que nunca presenciou uma cena assim por parte das autoridades. “Muito triste! Tenho 58 anos e nunca tinha visto uma coisa tão triste. Moro aqui há 33 anos, nunca tinha visto nada parecido. Muito triste, mas Deus é maior!”

Um procedimento foi instaurado para analisar a conduta dos policiais durante a ocorrência. Veja o vídeo abaixo da esposa do rapaz contando o ocorrido no nosso Instagram.

View this post on Instagram

Um caso chamou a atenção do Serra News nesta sexta-feira (22/05). Um vídeo enviado anonimamente para nossa equipe mostra um policial desferindo um soco no rosto de um rapaz no bairro São José, em Cantagalo, e a esposa filmou tudo. Não contentes ao perceber que estavam sendo filmados, os policiais mandam apagar o vídeo e, um deles, parte pra cima da mulher. . O caso ocorreu na Rua Nair Jacinta. O vídeo mostra o rapaz sendo imobilizado e levando um soco no rosto já no chão, enquanto sua mãe tentava protege-lo da ação. De acordo com a esposa do rapaz – que tem uma padaria na localidade – ele foi agredido em frente das filhas após reclamar que a viatura da Polícia Militar estava passando em alta velocidade na rua que não possui calçada e tem muita movimentação de crianças. . O 11º Batalhão de Polícia Militar informou que o homem teria desacatado os policiais militares, que estavam numa ação para prender dois indivíduos suspeitos de furto no distrito de Boa Sorte, em Cantagalo. Porém, testemunhas relatam que o fato ocorreu pouco tempo depois de os rapazes terem sido presos. A assessoria da PM informou ainda que o rapaz não obedeceu a ordem de prisão que lhe foi dada devido o desacato. . A esposa conta que os agentes "cantavam" pneus e ninguém da localidade entendeu o motivo da direção perigosa, já que os alvos dos PMs – dois rapazes suspeitos de furto de uma moto – já haviam sido detidos. . Já na 153ª DP, após o ocorrido, a esposa do rapaz contou que os policiais alegaram que ele teria tentado pegar a arma de um dos agentes, fato esse que foi desmentido pela comerciante em vídeo. Ela relatou também que por duas vezes teria sido ameaçada de morte. A PM alegou que a ação foi necessária para imobilizar o rapaz. . um procedimento foi instaurado para analisar a conduta dos policiais durante a ocorrência.

A post shared by Serra News (@serranewsrj) on

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.