Procurado por matar ex-companheiras, “viúvo negro” é preso em Cordeiro

Procurado por matar cruelmente ex-companheiras, “viúvo negro” é preso em Cordeiro

Um homem que ficou conhecido nacionalmente como “viúvo negro”, que era procurado pela Justiça, foi preso nesta terça-feira (17/09) em Cordeiro, na Região Serrana do Rio de Janeiro. João dos Anjos Correia era procurado pela polícia por atrair mulheres sozinhas para se envolver emocionalmente e depois matá-las cruelmente.

O foragido da Justiça foi encontrado pela guarnição do Sgt. Marcelo e Cb. Boroto. João foi encontrado bebendo cerveja em um bar na Rua Moacir Laporte Leitão, no Centro de Cordeiro, por policiais do Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) de Macuco. Para ele há três mandados de prisão.

Crimes

Ele é suspeito de assassinar Iracema Militão, de 62 anos, em Guapimirim, na Baixada Fluminense, com quem morou um ano e dois meses. O corpo da vítima foi encontrado com marcas de golpes na cabeça por um dos filhos na fazenda onde João Correa trabalhava, no ano de 2016.

João dos Anjos Correia também é suspeito de matar Soani Martins, de 52 anos, em Magé, também na baixada, em julho de 2015, e roubar os pertences da vítima após o crime.

Lúcia Helena Correia, com quem João foi casado por 20 anos e teve seis filhos, contou que também já foi vítima das ações violentas do “viúvo negro“, mas que conseguiu escapar.

Ela relata que o até então marido, diante da negativa de reatar o relacionamento, pegou um martelo que estava embaixo da cama e desferiu golpes alegando que se ela não fosse dele não seria de mais ninguém.

Para os investigadores, João Correa é um psicopata que tenta descontar nas vítimas uma traição amorosa do passado que nunca conseguiu superar.

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.