Ex-secretária de Friburgo é condenada por tragédia climática de 2011

A ex-secretária de Saúde de Nova Friburgo, Jamila Calil Salim Ribeiro, foi condenada novamente por sua atuação no comando da pasta durante as enchentes de 2011, que devastaram a Região Serrana.

A nova pena é de 23 anos — sendo 18 de reclusão, ou seja, regime fechado, e 5 de detenção.

A médica foi acusada de cometer diversas irregularidades quando ocupava o cargo de primeiro escalão: contratação de empresa sem licitação, uso de documentos falsos, além de corrupção passiva e associação criminosa.

No fim de 2018, ela foi condenada em outro processo por dispensa irregular de licitação, peculato e associação criminosa, com pena de 16 anos e quatro meses de prisão, em regime inicial fechado.

Em ambos os casos, as sentenças são do juiz Marcelo Alberto Chaves Villas, da 2ª Vara Criminal de Nova Friburgo. Cabem recursos a instâncias superiores.

Há nove anos, chuva devastava a Região Serrana na tragédia climática de 2011

Serra News

Serra News

O melhor portal de notícias da Região Serrana do Rio de Janeiro.