RJ-116 deve receber 120 mil veículos no feriado da Semana Santa

A Concessionária Rota 116 S/A, responsável pela Rodovia RJ 116 (Itaboraí – Nova Friburgo – Macuco) estima em 148 mil, o número de veículos que vão cruzar a rodovia durante os feriados da Semana Santa e de São Jorge, que é comemorado em todo o Estado do Rio. A partir das 12 horas dessa quinta-feira (18/4), equipes estarão atuando em pontos estratégicos da RJ, 24 horas por dia, para atender aos motoristas que se dirigem para as cidades das regiões serrana e centro norte do Estado. A operação vai funcionar até às 12 horas de quarta-feira, (24/04).

A Concessionária Rota 116 S/A, responsável pela Rodovia RJ 116 (Itaboraí – Nova Friburgo – Macuco) estima em 148 mil, o número de veículos que vão cruzar a rodovia durante os feriados da Semana Santa e de São Jorge, que é comemorado em todo o Estado do Rio. A partir das 12 horas dessa quinta-feira (18/4), equipes estarão atuando em pontos estratégicos da RJ, 24 horas por dia, para atender aos motoristas que se dirigem para as cidades das regiões serrana e centro norte do Estado. A operação vai funcionar até às 12 horas de quarta-feira, (24/04).

No ano passado, a RJ 116 recebeu durante a Semana Santa 124 mil veículos e foram registrados seis acidentes ocasionando seis vítimas. “Estamos com uma expectativa de tráfego maior porque esse ano o Feriado de São Jorge, comemorado no Estado do Rio de Janeiro, cairá na terça-feira. Nossas equipes estarão a disposição do usuário com carros de inspeção de tráfego, reboques para veículos leves e pesados e ambulâncias que poderão ser acionadas a qualquer momento”, explica Edyano Bittencourt, superintendente geral da Concessionária.

“Já colocamos, em parceria com o DER, mensagens em nossos painéis localizados ao longo da RJ, chamando a atenção do motorista para evitar o uso de bebidas, não usar o telefone celular durante a viagem e usar os faróis mesmo durante o dia. São ações que buscam alertar os viajantes para uma viagem segura”, explica Bittencourt, lembrando que é dever do motorista respeitar a sinalização de trânsito, estar atento aos radares de fiscalização de velocidade e obedecer a legislação.

A Concessionária lembra que em caso de chuva forte, os motoristas devem suspender a viagem e aguardar a melhora do tempo em um local seguro para em seguida prosseguir ao seu destino. Em casos de neblina no trecho da Serra é importante redobrar a atenção e manter distância segura entre os veículos. ”Conferir o combustível, óleo e checar os pneus é indispensável”, orienta Edyano.

Serviços – Durante a operação especial, a concessionária colocará a disposição todo seu efetivo operacional no Serviço de Apoio ao Usuário. Em caso de emergência os motoristas devem ligar para o 0800 282 0116 e solicitar serviços como guinchos, viaturas de inspeção de tráfego, ambulâncias-resgate, caminhões para apreensão de animais, carro-pipa e equipe especializada para atendimento a acidente envolvendo produtos perigosos. Os veículos e equipes estarão posicionados em pontos estratégicos da rodovia, durante 24 horas.

Orientações – O usuário deve tomar cuidado com a velocidade máxima permitida, pois os radares estarão sendo operados pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). Em caso de chuva ou neblina, é necessário diminuir a velocidade e aumentar a distância entre os veículos. Caso não haja condições de seguir viagem, o motorista deve parar e permanecer em local seguro até que a chuva diminua.

Pedágio – A tarifa nas quatro praças de pedágio é de R$ 5,80 para carros de passeio, R$ 11,20 para veículos de dois eixos com rodagem dupla e R$ 23,20 para autos de três a seis eixos nos dois sentidos das pistas. Para os de sete eixos ou mais, o valor será de R$ 5,80 por eixo. Motocicletas são isentas da tarifa. Há praças de pedágios na Rodovia no quilômetro 1,9 em Itaboraí; no quilômetro 48,8 em Cachoeiras de Macacu; no quilômetro 90,3 em Nova Friburgo e no quilômetro 122,3, no município de Cordeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.