Consumidores da região reclamam de aumento abusivo na conta de luz da Enel

Consumidores dos municípios das regiões Serrana, Norte e Noroeste do Rio de Janeiro entraram em contato com a redação do Serra News e relatam possíveis irregularidades no cálculo da medição dos quilowatts e abuso na cobrança de energia elétrica. Na internet, os consumidores reclamam do valor das contas de luz, referente ao consumo de energia do mês de janeiro, e que o reajuste mais que dobrou em alguns casos. Os internautas acusam a concessionária Enel – antiga Ampla – de realizar cobranças indevidas.

De acordo com consumidores, o valor das contas sofreu um reajuste significativo entre os meses de dezembro e janeiro. Em alguns imóveis, o aumento ultrapassou a margem de 100% e, em muitos casos, a medição dos quilowatts passou de aproximadamente 150 kW para 400 kW. Embora, na época do verão, o consumo de energia costume aumentar, os consumidores asseguram que o reajuste ultrapassou o valor cobrado no mesmo período do ano passado.

A concessionária Enel informou que “não há qualquer irregularidade no processo de medição e faturamento da companhia”. Segundo a empresa, com as altas temperaturas do verão, há aumento no consumo de energia, devido ao uso mais frequente da geladeira, de aparelhos de ar condicionado e ventilador, por exemplo.

Consumidores podem procurar a Justiça

Consumidores devem primeiramente questionar o caso em uma agência da Enel mais próxima, pedindo para reaver a cobrança. Caso se sintam lesados, podem/devem procurar o Procon ou a Defensoria Pública de sua cidade e acionar a Justiça para resolver o problema. Lembre-se de checar todos os detalhes da conta de energia antes de procurar reivindicar sua cobrança.


Leia também: Procon de São Fidélis entrega notificação de abertura de investigação contra a Enel

Veja também: