Acidentes deixam um morto e treze feridos na RJ-186, RJ-158 e RJ-116

O fim de semana foi violento nas rodovias da região. Pelo menos sete acidentes foram registrados, totalizando treze vítimas, sendo uma fatal. A RJ-158, embora não seja a mais movimentada, liderou o número de acidentes. Só na RJ-186, oito pessoas ficaram feridas.


 Na 158, apenas no trecho entre os loteamentos Bom Vale e Recreio foram três acidentes com motos. No sábado (15/12), um homem de 28 anos se feriu em uma queda de moto pela madrugada. À noite, outro homem se vitimou após atropelar uma vaca com a moto que pilotava. Gustavo do Amaral Barbosa, de 29 anos, chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Na tarde deste domingo (16/12), uma colisão entre duas motos deixou um motociclista de 52 anos ferido. Ele foi atendido no Hospital Municipal e liberado.


Ainda na RJ-158, uma mulher de 46 anos ficou ferida ao sofrer uma queda com a moto que pilotava. Ela foi socorrida e levada para o Hospital Municipal de Itaocara, mas transferida na manhã de ontem para o Hospital São José do Avaí.


Também foi registrada uma colisão entre um carro e uma moto na RJ-116, na manhã de sábado (15/12), próximo ao Sítio Amarelinho, em Itaocara. Uma mulher de 22 anos ficou ferida no acidente, sendo encaminhada para o Hospital Municipal. Na madrugada desta segunda-feira (17/12), um homem de 27 anos ficou ferido após sofrer uma queda com a moto que pilotava na altura do quilômetro 202, na Serrinha, em Aperibé. Ele foi encaminhado para o Hospital de Itaocara com ferimentos leves.


Já na RJ-186, no trecho entre Marangatu e São Pedro de Alcântara, em Santo Antônio de Pádua, outros dois acidentes foram registrados na sexta-feira (14/12). À tarde, a colisão entre dois carros na altura do quilômetro 08 deixou seis pessoas feridas. Todos passam bem. Horas depois, a colisão entre dois caminhões na altura do quilômetro 17 deixou mais dois feridos na rodovia.  Um motorista de 49 anos foi socorrido com ferimentos leves e o outro, de 19, com ferimentos graves.