Parque do Desengano recebe cachorro-do-mato encontrado por moradora de Cantagalo

Foto: Ayxanara Rezier
Agentes do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) receberam nesta terça-feira (9/10) um cachorro-do-mato (Cerdocyon thous) encontrado por uma moradora do bairro Chácara da Banheira, no município de Cantagalo, e entregue no Parque Estadual do Desengano. O filhote foi encontrado pela fotógrafa Ayxanara Rezier nas intermediações do Horto Municipal de Cantagalo – que preserva um fragmento de mata atlântica – e entregue no parque em plenas condições de saúde.

Uma médica veterinária foi acionada para avaliar as condições do animal, e constatou que o bicho estava em boas condições. Após a avaliação, ele foi encaminhado para a Universidade Estácio de Sá, em Vargem Grande, Zona Oeste do Rio de Janeiro, onde existe o tratamento mais adequado para a espécie.

Segundo o gestor do parque, Carlos Dário, o contato com os animais silvestres está cada vez mais frequente nas proximidades das unidades de conservação. “Isso por um lado sinaliza a maior proximidade das ocupações humanas das áreas preservadas e por outro, a renovação da capacidade de resiliência desses espaços, que são ainda capazes de sustentar uma enorme biodiversidade”, explicou.

O Cerdocyon thous é um animal nativo da América do Sul, desde o norte da Colômbia até o norte da Argentina; é o canídeo mais bem conhecido; possui uma coloração variável, meio marrom acinzentada, usualmente com tons de amarelo. As orelhas são curtas com tons avermelhados e a cauda é relativamente longa com pelos longos tendendo a uma coloração preta. Apesar de não ser um animal em risco de extinção, muitas populações sofrem impactos causados pela caça e atropelamentos nas rodovias do país.


Leia também: Fotógrafo registra bicho-preguiça no Horto Municipal de Cantagalo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.